55 11 5017 - 4208
55 11 5083 - 6409
55 11 9.8822-2775 Confidere Odontologia
Por que a gestante precisa de acompanhamento odontológico?
Por que a gestante precisa de acompanhamento odontológico?

A gestação é uma etapa delicada na vida da mulher e do bebê que está se formando. Muitos cuidados são necessários para que tudo corra bem, e mamãe e bebê tenham uma vida saudável.

A importância do acompanhamento médico, antes mesmo da concepção, já está bastante divulgado. Antes da concepção, quando a mulher tem a intenção de engravidar, o ginecologista irá avaliar a mulher, solicitar exames diagnósticos e até mesmo indicar a utilização de vitaminas ou outro tratamento prévio que possa colaborar para uma gestação saudável.

Da mesma maneira, uma visita prévia à concepção ao dentista se faz necessária, pois problemas bucais podem interferir com a saúde geral da mulher, interferir na concepção e até mesmo na evolução do feto e da gestação como um todo. E, assim como o médico, o dentista irá fazer uma avaliação clínica, solicitar exames diagnósticos, planejar condutas preventivas e/ou terapêuticas (tratamento) e passar orientações para a manutenção da saúde bucal durante toda a futura gestação. Quanto antes os problemas bucais são diagnosticados, mais simples é o tratamento e mais segura a gravidez.

Porém, muitas vezes não é feita a avaliação médica e odontológica prévia à concepção. Mesmo assim, o quanto antes a gestante iniciar esses acompanhamentos mais tranquila será o período gestacional. Por isso, assim que for confirmada a gravidez, a mulher deve dar início ao pré-natal médico e odontológico.

O primeiro trimestre gestacional é a fase mais delicada da gestação, pois são maiores os riscos de ocorrerem problemas. Esse é mais um motivo para a eliminação de focos de infecção (gerais ou bucais). Nessa primeira consulta pós-concepção, o dentista irá definir estratégias de tratamento caso seja necessário, de acordo com a gravidade da doença (cárie, inflamação gengival ou outros). Focos de infecção agudos precisam ser tratados com urgência e tratamentos mais eletivos (que podem esperar) são programados para o segundo trimestre gestacional.

O segundo trimestre tende a ser a fase mais tranquila da gestação, quando os riscos são menores e o peso do bebê ainda não e muito grande (não ha tanto desconforto para a mulher). Assim, é o período mais adequado para a realização de tratamentos odontológicos eletivos (menos graves).

No terceiro trimestre, a consulta de pré-natal odontológico será de controle e orientação à futura mamãe sobre os cuidados com o bebê desde os primeiros dias de vida, abordando amamentação e bons hábitos de higiene.  

Muitos são os mitos a respeito dos tratamentos odontológicos de gestantes, que vão desde realizar ou não tomadas radiográficas, aplicação de anestesia, entre outros. O dentista atualizado é o profissional apto a diagnosticar e tratar, utilizando os melhores materiais e técnicas seguras à saúde da mulher e do seu futuro bebê.

Não espere o problema aparecer para procurar ajuda! Prevenção é a melhor escolha!


Confidere Odontologia - contato@confidereodonto.com.br
Responsável Técnico: Profa. Dra. Ana Paula G. Pita / CROSP 75.657
Rua Fagundes Filho, 141 - Cj. 68 - CEP: 04304-010 - São Paulo - SP
(11) 5017-4208 • (11) 5083-6409 • (11) 9.8822-2775
desenvolvido por o2ew